Pages

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

O Novo


O novo é mesmo assim jovem, moderno, surpreendente e desafiador.
Não vem só no fim de cada ano, vêm todas as manhãs.
É igual à TV nova só que sem o manual de instruções.
É aquele barulho de tssss quando você abre aquele refrigerante, você veste, liga e desliga, exige um slogan, uma boa propaganda e que sempre permite o recomeço.

Ainda está na caixa, não amadureceu, não chegou aos quinze, não tem nada escrito e não emperra pra fechar.
O que é novo tem etiqueta, não está amassado, riscado ou sujo.
Ao contrário é do tipo branco brilhante, cheiro de bebê, bem dobrado, embrulhado e ainda está no plástico.
Tudo que você ainda não provou, leu ou ouviu é novo.

Aquilo que estréia com lançamento, desperta o desejo de ter, sinônimo de avanço, futuro.
Anda mais rápido, design arrojado, tem qualidade superior, boa resolução, é caro, é do ano, inovador.
Desperta o zelo, cuidado, atenção pra sempre continuar novo.

Felizmente tudo um dia fica ultrapassado, antigo, velho, só assim o que é novo aparece e percebemos o quanto ainda podemos melhorar e evoluir
.

Observando o Tempo

Você vai gostar de ler :

Related Posts with Thumbnails
Ocorreu um erro neste gadget