Pages

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Pensamentos Dedicados




Ao tempo que passa, só digo adeus
Aos olhos que lagrimejam, um vento leve para secá-los
Ao beijo amargo, um doce abraço
Ao caminho, o primeiro passo


Ao amor que falta, a amizade completa
Ao sonho, a esperança eterna
Ao destino, a vida sem controle

Ao dia, o descanso da noite
Ao medo, a disposição
Ao silêncio, minhas poucas palavras
Ao universo, uma única explicação

Ao principio, o meio
Ao meio, o fim
Ao fim de tudo, o recomeço.

CURTO POEMA




Amo sublime

Cativo em ti

Amor de uma vida

Vida plena

Perpetua

Porém,

Nunca serei

Seu pecado.

Talvez um simples erro

Único erro

Amor sublime.

Observando o Tempo

Você vai gostar de ler :

Related Posts with Thumbnails
Ocorreu um erro neste gadget